sábado, 27 de janeiro de 2018

DIA DA LEMBRANÇA DO HOLOCAUSTO


~~ Que Descansem em Paz Profunda ~~


Na minha opinião, hoje devia ser um dia silencioso, em que se falaria
o mínimo, um dia de séria reflexão sobre as barbaridades cometidas
por alienados, no imenso sofrimento dos judeus vítimas  dos nazistas,
 mas  também, nas vítimas dos restantes genocídios recém- cometidos:
há uma lista de 19, ao qual eu acrescento um atual - o da Palestina.

Meditemos no estranho e ignóbil caso - passar de vítima a algoz!
            
~~ Melissa Venema (1995) tinha 13 anos ~~
                     

20 comentários:

  1. Oi Majo
    Nem gosto de pensar, se fecho os olhos parece que vejo as barbáries.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  2. Triste lembrança!!! beijos, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  3. Meditemos e sonhemos num mundo melhor!!!
    Bela homenagem!!!bj

    ResponderEliminar
  4. Bom dia!
    Quase nem dá para acreditar!

    Que descansem em paz.
    Beijo. Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  5. O houlocausto, uma crueldade que não podemos esquecer

    ResponderEliminar
  6. É bom lembrar, sim, tem de ficar muito vivo para que nunca mais aconteça! Vendo esse planeta lindo, emoldurado por essa música maravilhosa, e olhando o vídeo, dá para pensar que o nosso mundo está em agonia. É o que penso vendo tua ótima postagem. E a pergunta que nunca calou nos corações humanos: como puderam cometer essa monstruosidade?
    Beijo, querida amiga.

    ResponderEliminar
  7. Totalmente de acordo querida Majo! Beijinhos e bom fim de semana.
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  8. Sintonia, amiga Majo!| Também lembrei o dia de hoje lá no meu espaço. Para que não nos esqueçamos!

    Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  9. Mas não esqueça
    "A vida é bela"

    (devia passar na escola)

    ResponderEliminar
  10. Um período assustador da História da Humanidade. Infelizmente, há muitos outros que acontecem nosso tempo e que vão sendo camuflados.

    Bj

    Olinda

    ResponderEliminar
  11. Uma realidade triste... Entretanto, precisamos trazer à memória o que pode dar esperança...
    Vamos adiante!
    Com carinho

    ResponderEliminar
  12. Que as nossas memórias não esqueçam!...

    ResponderEliminar
  13. Arrepiante o genocídio e tanta crueldade. Até onde é capaz de ir o Homem?
    Pazzz! Queremos que a paz inunde as madrugadas do nossos dias , o horizonte dos pôr-de-sol.
    A música...convida à reflexão, a ouvir o abismo do incompreensível.
    Abraço, Majo

    ResponderEliminar
  14. Para que fique viva nas mentes esta nódoa da humanidade sob o signo da maldade.
    Que nunca se repita nem em sonhos. Nenhuma tortura, que o amor seja o ponto de vitoria.
    Ilustração musical perfeita querida chega doer no coração.
    Beijo

    ResponderEliminar
  15. ~~~
    LAMENTO MUITO A BAIXA PARTICIPAÇÃO...

    SE A VIDA FOSSE APENAS PÃOZINHO FRESCO COM MEL E O MUNDO O ÉDEN

    IDEALIZADO NO 'GENESIS' A HUMANIDADE SERIA BEM DIFERENTE.

    GRATÍSSIMA A TODOS QUE PARTICIPARAM NESTE DIA DE MEMÓRIA, POIS

    CONSEGUEM ALCANÇAR O SEU SIGNIFICADO.

    ABRAÇOS AFETUOSOS

    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
  16. E parece que a humanidade não aprendeu nada... genocídios continuam a acontecer ainda hoje... e o mundo simplesmente continua a ignorá-los... como é o caso do que está a acontecer à minoria Rohingya no Bangladesh...
    Um dia muito bem assinalado... e ainda hoje custa a crer, como se podem praticar actos tão desumanos... no passado... e no presente, infelizmente, ainda...
    Beijinho
    Ana

    ResponderEliminar
  17. É horrível, mas estes dias tem que serem lembrados
    para nunca serem esquecidos tais horrores.

    ResponderEliminar
  18. doloroso , mas lembrar é preciso,esperançar por um mundo mais humano também. A música chega ser cortante!
    Votos de um amanhecer leve com muita paz!
    Bjss!

    ResponderEliminar
  19. ...cheguei até aqui, graças a Deus, para ver esta postagem tão triste e bonita. Sua lembrança às vítimas do holocausto nazista e a chamada de atenção para outros que estão acontecendo no planeta é muito importante para repensarmos nossa postura diante da Vida. ...esse planeta azul e lindo, nosso lar tão maltratado!
    Aplaudindo sua postagem, Majo, quanta sensibilidade!
    Um abraço!

    ResponderEliminar
  20. Olá Majo.
    Agradecendo tua visita a meu espaço e teu comentário, já devidamente respondido, encontro agora esse post que mostra bem a índole perversa da humanidade. Lembrar desse holocausto é lembrar de tantos outros cometidos em épocas recentes, como de outrora e continuamos a caminhar sempre à beira do abismo e não nos damos conta. Porém poucos falam dos outros "holocaustos". O dos nativos americanos, quer sejam os da América do Norte como os demais ameríndios exterminados de maneira vil e sórdida. Isto a história mostra sem muito alarde, porém os extermínios perpetrados por Josué, derem a eles uma aura divina, pois segundo está escrito e não podem ser negados. Ele agia em nome de um deus. Deus judaico-cristão que não poupou esforços em proteger seus filhos bárbaros e cruéis e dizem até, que foi capaz de abrir o Mar Vermelho para fuga de seus protegidos, mas não teve coragem nem tempo para abrir os portões de Auschwitz-Birkenau,Bergen-Belsen, Bucheinwald, Dachau e outros. Devemos sim, lembrar todos os dias desses massacres, pois outros estão por vir e disto não podemos duvidar. Lembrando que em várias parte do mundo um holocausto silencioso leva milhões de vidas pela fome e poucos sabem ou veem, ou, não querem saber ou não querem ver.
    Não ligam para o sofrimento alheio. Parabéns por tua lembrança deste episódio que envergonha não só o povo alemão, mas envergonha toda humanidade, pois milhões e milhões ainda defendem aqueles atos crudelíssimos.
    Lindo recanto o teu. Com mais tempo o explorarei.
    Cá do extremo Sul do Brasil, almejo a ti e aos teus, amor, compreensão e saúde.
    Seguimos em frente, buscando o entendimento entre as pessoas e os povos, buscando a compreensão e a paz. Coisas difíceis nestes dias de tanto ódio e racismo.

    ResponderEliminar