DIREITOS DE AUTORIA

**************************************************** NO PAINEL SUPERIOR -- O TEJO JUNTO DE LISBOA ***************************************************

quarta-feira, 30 de setembro de 2020

💌 ANIVERSARIANDO E AGRADECENDO...

 ~~ Passeando por Aranjuez ~~
>>> Até  o  grande  dia - 30  de  Setembro <<<

~~~ Srrssss ~~~


'En Aranjuez con tu amor', interpretação do quarteto Il Divo
com um poema ligeiramente diferente do convencional.
Fotos do palácio e jardins de Aranjuez, das suas fontes,
algumas do rio Tejo que por lá passa.
~~~~~~~~~
Há algum tempo, fico nostálgica no início do Outono: é no fim deste mês que
constato de modo indeflectível, que passou mais um ano e tenho menos um.
Entre os meus rituais de calculada misantropia, dedico-me ao prazer de ouvir
a  minha  composição musical  preferida,  um deleite privado  algo pungente,
que me emociona profundamente.
Anualmente compartilho convosco
o belíssimo adágio da  II parte  da  obra-prima  de  Joaquín Rodrigo,
«O Concierto de Aranjuez»,
em que a guitarra clássica é um elemento fundamental da orquestra;
ao sobressair harmoniosamente, torna a música singular e especial.
O  célebre  compositor afirmava que nenhum guitarrista tocou  este
concerto  com tanta paixão,  como Paco de Lucia.   Porém,  este ano
trago interpretações mais leves,  algo diferentes do modelo habitual.

«En Aranjuez Con Tu Amor»
Não se sabe ao certo quem escreveu o poema para o Adágio do Concerto.
Consta que foi o compositor e esposa, também pianista, pois tinham o hábito de
escrever textos poéticos para suas músicas,  contudo, há poemas semelhantes.
Todos  os  grandes intérpretes,  da  área operática  e «crossovers»,  quiseram  e 
 querem ter a honra de o cantar.



 Interpretação do Adágio do Concierto de Aranjuez pela Orquestra
 Filarmón. de Zagreb, com o desempenho de dois génios de cordas:
na guitarra cláss, Petrit Çeku e, no cello, Hauser tocando a música
habitual de um oboé!  Do Kosovo e da Croácia,  respetivamente. 
O que eles balbuciam é segredo dos deuses...

 ... Agradeço de 💓 a cada um o seu carinho especial, para vós, floresta negra, café fresquinho e o meu abraço cordial ...

          

   


terça-feira, 22 de setembro de 2020

~~ ADEUS VERÃO ~~

 

))) Não teve graça, mas é seguramente inolvidável! (((

 ... Gilbert Bécaud era boémio, mas escreveu, musicou e cantou peças inesquecíveis ...

Fotos de Toulon, bela e antiga cidade do sul de França,
situada na região de Provença-Alpes -  Costa Azul -
No seu Théâtre Liberté, há uma sala dedicada a Albert Camus. 

 ''E no meio de um Inverno, eu finalmente aprendi

 que havia dentro de mim um Verão inesquecível''

Albert Camus

... Há verões assim: muito ou pouco ditosos ...


ou no início da Primavera meridional,
que venha um tempo melhor.



~~~ Desejo que tudo vos corra bem ~~~