DIREITOS DE AUTORIA

**************************************************** NO PAINEL SUPERIOR -- O TEJO JUNTO DE LISBOA ***************************************************

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2020

... MÚSICA DO BRASIL ...

... ARTE » MÚSICA -  HISTÓRIA DA MÚSICA

PRIMÓRDIOS DA MÚSICA BRASILEIRA
           
A autêntica música brasileira surge nos anos oitenta do séc XIX, tempo
 de D Pedro II,  o último imperador deste país,  quando em 1870,  um dos
 amigos,  António Carlos Gomes,  compôs a ópera 'Il Guarani', baseada no
 romance homónimo de José de Alencar, com libreto de Antonio Scalvini.
Estreou no Scala de Milão com enorme sucesso.


Foi em 1877, que Chiquinha Gonzaga, primeira compositora brasileira,
de música popular, tornou-se famosa com a polca Atraente e dois anos
depois compõe Ó Abre Alas, a primeira marchinha 'choro' de Carnaval.
Neste vídeo, interpretações ao piano, pelo maestro Marco A Xavier.



Heitor Villa-Lobos,  renomado compositor,  de 1915 a 1958, conseguiu  
 harmonizar a música popular,  a dos 'chorões',  com a música clássica   
 europeia, criando obras eruditas muito interessantes, por exemplo as    
 Bachianas, neste vídeo a 5ª interpretada em Berlim pela sua Orquestra  
Filarmónica, dirigida pelo célebre condutor, Gustavo Dudanel.


A polca Atraente com imagens do Rio de Janeiro antigo.


 

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

... CARNAVAL DE VENEZA ...

... TEMA » MÚSICA 


... Quando a música, além de emoção, é divertimento ...

Consta que a efeméride tem raízes no sec XVI,  altura em que
os nobres apreciavam misturar-se com o povo, talvez por isso,
as máscaras conservem um sisudo e solene ar de mistério.
Os bailes de máscaras praticaram-se até o século XIX, após o
que caíram em desuso por abusos de ocultação de identidade.

Carneval di Venezia, de Nicòllo Paganini,
Orquestra Filarmónica de Moscovo,
conduzida por Yuri Simonov.
Dez solos de violino executados por alunos
do Conservatório Tchaikovsky.
Como se tocassem à porfia!
   ~~ Clique ~~                                                                                                               


segunda-feira, 17 de fevereiro de 2020

💞 O QUE ELES PENSAM DO AMOR I


 ~~ DIAS DOS ENAMORADOS FELIZES ~~



As mulheres quando amam, põem no amor algo divino.
Esse amor é como o sol que anima a natureza.
 Plutarco
*
Quando o amor fere, qualquer um se faz poeta, mesmo que
antes nunca tivesse sido favorecido pelas musas.
Platão
*
O amor consiste em que duas solidões se defendam
mutuamente, se delimitem e se prestem homenagem.
Rainer Maria Rilke

Nicolleta Tomas
 * * *
 Na aritmética do amor, um mais um é igual a tudo
e dois menos um é igual a nada.
Ninon de L´Enclos
*
  O amor não tem razões e a falta de amor também não;
No amor, tudo é milagre.
 Eugene O'Neil
*
 No amor não há formas,
a  não ser o teu imóvel nome como estrela.
 Octávio Paz
*
 Amar alguém é ser o único a ver um milagre
invisível para os outros.
François Mauriac

O amor não tem idade: está sempre a nascer.
Blaise Pascal
*
O verdadeiro amor pensa no instante e na eternidade,
mas nunca na sua duração
 Friederich Nietzche
*
O amor é a chave
para a compreensão de todos os mistérios.
Paulo Coelho


Desejo a todos
uma semana amorosa
e muito feliz.

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2020

ESCULTURA... MÚSICA... POESIA...

... ARTE » ESCULTURA . MÚSICA . POESIA ...

... Baixe o som ...

... FRANCISCO SIMÕES, ESCULTOR - 1946 ...

Formado na Escola António Arroio, bolseiro em diversas
cidades italianas, concluiu o curso de escultura na Escola
de Música e Belas Artes da Madeira em 1974.


  Quem vive em Lisboa ou quem passa por ela atento, conhece a dezena
 de esculturas que embelezam a estação do metro do  Campo Pequeno.
 Para representar as figuras das camponesas que outrora habitaram o
que  era um subúrbio de Lisboa,  Simões usou os diversos  mármores
  portugueses e o azul da Bahia, obtendo um colorido bem harmonioso. 
 «A MULHER É A COISA MAIS BONITA DO UNIVERSO»
Palavras de Francisco Simões  em entrevista ao DN em 14/01/2010
Foi este artista que realizou as 20 esculturas dos poetas do Sec XX que  
estão no  Parque dos Poetas em  Oeiras,  Lisboa.  Dezassete são figuras  
  masculinas, mas é na figura feminina  que o escultor melhor  se  realiza, 
representando momentos de reflexão, sensualidade ou erotismo.
Francisco Simões realiza frequentemente exposições, pelo que, não tem
a sua obra divulgada 'online' Esta página  só foi possível de resolver com
ilustrações do metro e do Parque dos Poetas. As centenas de esculturas
 femininas que realizou são na maioria de foro particular.

 ~~ Clique sobre a imagem, para obter a galeria ~~ 
 
                       

                                      


)))))) A ESTÁTUA ((((((

 Nas suas mãos a voz do mar dormia
Nos seus cabelos o vento se esculpia
)(
A luz rolava entre seus braços frios
E nos seus olhos cegos e vazios
Boiava o rasto branco dos navios
 )(
Sophia de Mello B Andresen
 *************************
 
~~~~~~~~~~~~~~~ O artista ~~~~~~~~~~~~~~~~

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2020

... ÓPERA ...

        TEMA ARTÍSTICO » MÚSICA - ARTES CÉNICAS - ÓPERA
  ... ANNA  NETREBKO ...

   

Anna Netrebko é uma soprano operática russa, de ascendência cossaca
de Kuban, nascida em Krasnodar, no ano de 1971.     
Quando estudava no Conservatório de S Petersburgo, fazia limpezas no
Teatro Marinsky e enquanto limpava, cantava. Foi assim que foi ouvida
 por  Valery Gergiev,  já  então  diretor  da  orquestra  do  referido teatro.
Gergiev tornou-se seu mentor.  Anna Netrebko estreou-se em ópera no
 Teatro  Marinsky  aos 22 anos,  após o que desempenhou vários  papéis.
       Aos 24 anos estreou-se nos EUA, S Francisco, iniciando uma fulgurante      
       carreira internacional,  com estreia no MetOpera de NY,  em 2 002.      

... Árias com legendas ... 
~~~ Baixe o som ~~~

  )))0(((

)))0(((

Depois de ser premiada pela Federação Nacional Russa em 2004,
 por volta de 2 006, Anna começou a ser tratada como traidora pelos media
  russos. Tendo muita dificuldade em obter vistos, pelas longas burocracias
 que considerava humilhantes,  nesse mesmo ano,  obteve a nacionalidade
         austríaca  e, desde então,  vive  em  Viena  onde nasceu  o  seu  filho único.      
              Na Áustria e Rússia, mantém atividades  filantrópicas a favor de crianças.              
Após dois relacionamentos que não deram certo, a Diva casou em 2015       
com o tenor Yusif Eyvazov, cinco anos mais novo, natural do Azerbeijão.