***

~~~ Serra da Arrábida ~~~
O Parque Natural da Arrábida compreende a cadeia montanhosa e uma vasta área marinha. Com um microclima especial, desenvolve uma vegetação rara e muito interessante.
A sua costa é lindíssima... A Premium Tour, considerou a Arrábida como um dos cinco lugares mais belos em Portugal no outono, apresentando esta foto.

segunda-feira, 8 de maio de 2017

~ MÃE PRETA ~



Monumento à Mãe Preta (ama) em S Paulo - Aqui


Estátua à mãe preta escrava - 3 Rios - RJ - Aqui


Escolhi este tema porque tenho tido notícias de racismo no Brasil
- contra pessoas de pele escura - que ofende amigos meus
e na Europa - contra refugiados árabes - factos que me deixam sobremodo triste
por verificar como é difícil erradicar tão grande selvajaria.


 Em 1996, quarenta e dois anos depois de Amália Rodrigues ter cantado o
Barco Negro, Dulce Pontes cantou  Mãe Preta,  a canção de Caco Velho
(Mateus Nunes)  e Piratini (António Amábile),  entretanto já falecidos.
Composição emocionante que é um monumento em memória da escravatura, um
dos maiores crimes civilizacionais, páginas deploráveis da história da humanidade.

Na minha opinião, Dulce Pontes possui atualmente a melhor voz cantante
de Portugal... poderosa, com timbre muito agradável e excelente dicção;
beleza vocal que o compositor Hennio Morricone homenageou e consagrou.



Poema e música de Caco Velho e Paratini... Aqui.
Rio de Janeiro

46 comentários:

  1. Linda estátua e uma bela homenagem.Racismo não está com nada e não deveria existir! Linda música! bjs,chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Chica. É enorme o seu coração que alberga grandes valores.
      Beijos
      ~~~

      Eliminar
  2. Conheço essa estátua (infelizmente não presencialmente) e acho-a linda! A Dulce Pontes tem realmente uma excelente voz, daquelas de arrepiar. :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito agradeço a sua dedicada colaboração, Amiga.
      Beijinhos
      ~~~~

      Eliminar
  3. Lindo lindo! Adoro esta musica! Parabéns- Grande Dulce Pontes.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Cidália.
      Beijinhos
      ~~~~

      Eliminar
  4. Infelizmente é assim, o racismo é camuflado, está em muitos lugares. Sabemos que as manifestações contra os negros são violentas, e suas razões para odiarem o mundo são fortes, mas de nada vai adiantar dizer que um erro não justifica o outro. Foram arrancados de sua pátria, escravizados em mundos diferentes e torturados. Famílias separadas, mulheres negras violentadas.
    O Brasil foi o último país a acabar com a escravidão racial - no papel.
    Realmente, Majo, temos uma dívida impagável, de tortura, de vergonha, de atraso para com os negros. Oxalá que isso um dia seja varrido do mundo. Uma das maiores vergonhas da humanidade.
    Beijo, querida!
    Ótima postagem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo, Taís. Parece não haver empenho em fazer esquecer o passado ignominioso da escravatura, em que estiveram envolvidos os países ocidentais que se diziam civilizados...
      Grata por este bem vindo apoio.
      Beijo, querida Amiga.
      ~~~~~~~~~~~~~~~~

      Eliminar
  5. Fenómenos de racismo são cada vez mais frequentes.
    Parece que estamos a regredir :(
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exatamente, estimado amigo.
      É essa a razão desta postagem.
      Beijinhos
      ~~~~

      Eliminar
  6. Um tema sempre actual. Bem retomado aqui.

    ResponderEliminar
  7. Majo querida
    O racismo e o preconceito são sentimentos de desrespeito e deixa um rastro de dor parte de quem sofre e também daqueles que não aceitam essa conduta vergonhosa
    Oxalá um dia possamos ver erradicada essa barbárie tão vergonhosa
    A canção é belíssima e a tua homenagem pertinente e comovente amiga
    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Gracita
      Tudo o que disse é a verdade puríssima.
      É muito agradável ter a sua Amizade.
      Beijos
      ~~~

      Eliminar
  8. O racismo, infelizmente, ainda anda por aí, porém muitas vezes camuflado. Esta canção Mãe Preta de Dulce Pontes em nada fica a dever à de Amália Rodrigues, cujo título foi proibido pela PIDE e substituído por Barco Negro.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Racismo é sinónimo de mau carácter ou má educação...
      Um primitivismo que dura há séculos!
      Sempre reconhecida pelo seu dedicado apoio.
      Abraço
      ~~~

      Eliminar
  9. Como foi bom ouvir a Dulce Pontes a cantar "Mãe Preta". Gosto dela. Gostei das estátuas. Quanto ao racismo, Majo, toda a minha indignação contra aqueles, que sem vergonha, discriminam e maltratam os outros pela cor da pele, ou seja lá por que for... Uma excelente chamada de atenção, minha Amiga.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Totalmente de acordo consigo, Graça.
      Agradeço o reforço da minha mensagem.
      Beijo, Amiga.
      ~~~~~~~

      Eliminar
  10. Mãe preta, branca, amarela,
    É a Mãe que nos gerou.
    Vigia, sofre e desvela
    Sem sonos, á luz da vela...
    Foi assim que nos criou.

    Beijo
    SOL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lindo o seu quinteto, Sol amigo.
      Grata pela colaboração.
      Beijo
      ~~~

      Eliminar
  11. Creio que o Rui Mingas também cantava esta. Sei do que fala pois eu vivi 22 anos em Angola mas nunca como agora sinto no ar esse sentimento que não gosto.
    Uma bela homenagem.
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Manuel Luís.
      Bj ~~~~

      Eliminar
  12. Muito oportuno, Majo! Diria que será sempre oportuno tratar o tema do racismo, que sim , está presente nas nossas sociedades, e , de momento, em que uma "normalização de tudo-o certo e o errado-o bom e o mau- me parece estar mais presente!De uma forma dissimulada,mas bem presente!Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um racismo dissimulado, mas não menos agressivo.
      Excelente observação e participação.
      Abraço
      ~~~

      Eliminar
  13. Majo!
    Esse é um tema que me diz muito de perto. Tenho "Mãe-Preta" na família, pois meu filho é casado com uma negra que é tão gente, tão mãe, quanto qualquer uma de nós da raça branca. E, deu a luz a minha neta, uma bênção divina!
    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Célia, fiquei com os olhos marejados.
      Muitas felicidades para a sua família e para si.
      As maiores venturas para a sua linda netinha.
      Grande abraço
      ~~~~~~~

      Eliminar
    2. Amém!
      Obrigada, Majo!
      Abraço.

      Eliminar
  14. Boa tarde, querida Majo!
    Minha avó teve seu primeiro casamento com um negro e tenho uma prima que foi a mais amiga que é preta... minha tia também se casou com um negro...
    Ambas já faleceram mas são bênçãos em minha vida lá do ceu.
    Quem dera que cor definisse caráter! Que nada!
    O coração pode ser branco de puro ou negro de tanta malvadeza, isso sim...
    Quiçá tivesse um ombro amigo agora para recostar a cabeça fosse da cor que fosse...
    Apoio não é dado pela cor que temos...
    Temos brancos de alma preta e negros de alma branca (no sentido espiritual)...
    Que Deus nos ponha junto dos puros de coração!
    Nossa Senhora Aparecida interceda por nossa santificação ...
    Bom muito fraternal

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agradeço,sentidamente o seu testemunho, querida Roselia.
      Beijos de Paz e Luz.
      Grande abraço.
      ~~~~~~~~~~

      Eliminar
  15. racismo não devia existir
    mas ... existe
    a Dulce Pontes é uma grande interprete gostei de a ouvir
    beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exatamente, estimada poetisa.
      Agradeço muito a colaboração.
      Beijinhos
      ~~~~

      Eliminar
  16. LINDAS IMAGENS.O RACISMO, COMO MUITOS OUTROS PRECONCEITOS, EXISTE PELO MUNDO AFORA, TENTAM OCULTAR, SEM ÊXITO.BJS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem razão, Norma.
      Como psicoterapeuta deve estar familiarizada com o sofrimento que estes estigmas causam e não vemos fim à vista para esta irracionalidade.
      Gratíssima pela sua participação.
      Beijos
      ~~~

      Eliminar
  17. Olá Majo!
    Brinquei e estudei com amiguinhos brancos e negros. Éramos todos iguais - crianças, felizes.
    Hoje, bem mais velha, continuo a pensar do mesmo modo - somos todos iguais.
    O racismo é abominável.
    Já a Mãe Preta, cantada por Dulce Ponte... amo de paixão. Sempre que oiço, me arrepia a beleza do poema e o vozeirão da cantora.
    Beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estamos completamente em sintonia, estimada Teresa.
      Grata pela participação.
      Beijo.
      ~~

      Eliminar
  18. Porque o coração e o amor não está na cor da pele, porquê descriminação ?
    Mas é lutando e revolvendo terrenos bravios que se colherão mais tarde os frutos da nossa indignação .
    Belas estátuas e a Dulces Pontes completa esre bouquet
    Bjis

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Observações de carácter bem formado e elevado.
      Precisamos estar atentos...
      Grata pelo carinho.
      Bjnhs
      ~~~

      Eliminar
  19. Uma música arrepiante, na voz de Dulce!...
    Inconcebível que haja seres desumanos que ainda não descobriram em pleno século XXI, que debaixo da pele... somos todos iguais!... Esses sim... primatas... no seu melhor!
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem toda a razão, querida Ana.
      Gratíssima pelo apoio.
      Beijinhos
      ~~~

      Eliminar
  20. O racismo e a xenofobia são males horrendos!
    Somos todos iguais e com os mesmos direitos, mas infelizmente a humanidade nem sempre respeita isso.
    Adoro a Dulce Pontes.
    O Paulo de Carvalho também não cantava "Mãe Preta"?
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo inteiramente, querida Graça.
      A canção do Paulo é outra...
      Beijinhos
      ~~~~~

      Eliminar
  21. É um tema por bastante complicado.
    O Brasil sempre foi um país racista e com grandes problemas no
    gênero de sua formação.
    Gravíssimo! problema mas tudo começa dentro de casa não é mesmo?
    Abraços.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lamento muito este problema, por isso, fiz estas postagens no sentido
      de debater esta ignomínia...
      Gostei muito de ter a tua participação, querida J
      Beijos
      ~~~

      Eliminar
  22. Há não podería deixar de dizer: Dulce Pontes é maravilhosa
    a escutava muito.

    Então... Penso que não há necessidade de me expor a mim ou
    minha família.
    Só respondendo o porque não posto imagens nossas.k
    Abraços.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Terno abraço, querida Amiga.
      Dias muito felizes.
      Paz e bem.
      ~~~~~~~

      Eliminar
  23. Muito bela a voz de Dulce Pontes.

    tenho a vida em atraso...

    Beijinho grande. :)

    ResponderEliminar