sábado, 29 de abril de 2017

CELEBRANDO A DANÇA...


NO SEU DIA INTERNACIONAL
Esta efeméride foi criada pela UNESCO em 1982, a fim de chamar a atenção
a nível mundial - dos governantes e dos povos - para esta forma de expressão artística.
ARaftis, presidente do Conselho Internacional de Dança, afirmou num discurso de 2003,
que mais de metade de 200 países do mundo, não disponibiliza verbas orçamentais
para apoiar e incentivar esta forma de arte.
Dedico a celebração de hoje, ao encantador ''ballet'' clássico.

Ballet à l'Opéra de Paris - EDegas - 1877 - Instituto de Arte de Chicago

  ~~ A Dança e a Alma ~~   

 A dança? Não é movimento,
súbito gesto musical.
É concentração, num momento,
da humana graça natural.  
*
No solo não, no éter pairamos,
nele amaríamos ficar.
A dança - não vento nos ramos:
força, seiva, perene estar. 
*
Um estar entre o céu e o chão,
novo domínio conquistado,
onde busque nossa paixão
libertar-se por todo o lado... 
*
Onde a alma possa descrever
suas mais divinas parábolas
 sem fugir à forma do ser,
por sobre o mistério das fábulas.

Drummond de Andrade

Coreografia belíssima do Bolshoi, Brasil

A Valsa das Flores pertence ao ballet de Natal, O Quebra Nozes, de Tchaikovky,
mas também é muito apresentada e apreciada na primavera.
Escolhi estas obras do impressionista Edgar Degas, que dedicou
muito do seu trabalho a esta dança que o fascinava, quer pela beleza
em palco, quer pelos sacrifícios e dedicação das bailarinas nos bastidores.
Procurava captar a beleza efémera dos movimentos, como acontece na fotografia.
As imagens são da Wikimedia Commons.

L'Étoile - 1878 - Museu de Orsay, Paris

Danseuse basculant (Danseuses en vert) - 1877/1879
Museu Thyssen Bornemisza, Madrid


*Mais informação sobre Edgar Degas no blogue da Taís Luso dedicado à pintura - Aqui

25 comentários:

  1. Acredito que para algumas pessoas, a vida não seria a mesma sem a dança...
    Eu vivo bem sem ela... rsrsrs não sei dançar e estou bem assim.
    Mas que seja um feliz dia da dança... eu só empurro... :)
    Bj e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  2. Linda maneira de comemorar data e trouxeste bela poesia e pinturas. Adorei! beijos e tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  3. Drummond de Andrade, sempre excelente em tudo o que escreveu. Uma bonita homenagem à dança neste dia que lhe é dedicado. Sei que a dança fortalece o espírito. Para quem a pratica e mesmo para quem a vê... Gosto das bailarinas do Degas.
    Um bom fim de semana, Majo.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  4. Belíssima postagem! Amei

    Beijos e um excelente fim de semana.

    ResponderEliminar
  5. Majo
    uma postagem que é uma bonita homenagem ao dia da dança.
    eu gosto de dança e de dançar.
    muito oportuna esta partilha.
    desejo um bom fim-de-semana
    beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
  6. Mais uma vez um excelente post. A valsa das Flores um encanto. Um bonito, poema, e a cereja no topo do bolo, os quadros de Degas. Muito bom mesmo.
    Um abraço e bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
  7. Amo dançar... A leveza, o romantismo, e o agito do rock aliviam alma e o físico. Linda Coreografia do Bolshoi!! Momento único!
    Abraço.

    ResponderEliminar
  8. Maravilhosa postagem, Majo!
    Edgar Degas, o pintor das bailarinas é magnífico!
    A música... quem poderia viver sem música para saudar a alma e a mente, mesmo quando elas se encontram tristes?
    Enfim, como disse Hermann Hesse, A arte é a meditação do mundo em estado de graça.
    Como sempre você divulga as artes com sabedoria.
    Querida amiga, muito obrigada pelo meu link do Das Artes estar aqui nessa postagem. É uma honra.

    Beijo e carinho.

    ResponderEliminar
  9. Oiii!!! Vi o seu blog e achei muito bacana. Dança, faz bem para a alma e coração!! Sucesso pra vc!!

    ResponderEliminar
  10. Esqueci de falar no vídeo, você escolheu o que há de melhor, Majo. Fantástico!
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  11. Meu filho nasceu nesse dia!
    Hoje com 35 anos ... em retiro na Índia ... é professor e coreógrafo na dança!
    Adorei sua postagem!!!bj

    ResponderEliminar
  12. Muito interessante o conjunto que escolheu para assinalar este Dia Internacional da Dança. Quero lembrar aqui o jovem dançarino, natural de Leiria, António Casalinho de 13 anos, que tem sido vencedor de provas internacionais: http://www.tvi24.iol.pt/sociedade/antonio-casalinho/jovem-bailarino-portugues-vence-importante-premio-em-nova-iorque

    ResponderEliminar
  13. Os seus posts são sempre uma composição admirável, Majo.
    Muito bom!

    Uma boa semana :)

    ResponderEliminar
  14. Que maravilha, Majo!
    A dança junta a música ao movimento físico e mental à representação... Deveria ser praticada como disciplina na escolaridade obrigatória. Naturalmente passaria a ser um hábito para grande parte da população que teria ganhos na saúde e de felicidade.
    Bj.

    ResponderEliminar
  15. Bom dia, a dança reflecte a leveza do corpo e a libertação da alma, a arte do Edgar Degas é cativante, assim como, o belo poema.
    Feliz feriado,
    AG

    ResponderEliminar
  16. Ainda se apoiam muito pouco este tipo de arte. As obras escolhidas e aqui mostradas são lindas. Eu não sei dançar por isso não danço em publico, mas em casa que ninguém me vê lá vou dando os meus pézinhos de dança! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  17. Bela e oportuna lembrança, te convidando para conhecer a nossa www.hellowebradio.com ... você.Vem!
    Cadinho oCo

    ResponderEliminar
  18. Majo querida
    Que deslumbramento as suas escolhas para uma homenagem tão significativa para este arte não muito valorizada pela cultura de muitos países. As pinturas são fascinantes e este balé é suntuoso. Fiquei embevecida assistindo e ficaria horas. Sou fascinada por música clássica e o balé é uma das danças que acho mais encantadoras. Como disse o Rui, eu não sei dançar mas aprecio esta maravilhosa arte.
    Um bom feriado querida
    Beijos e sorrisos

    ResponderEliminar
  19. Começo pelo fim: aprecio imenso as bailarinas de Degas, já as tenho usado como complemento a poemas, assim como aprecio o blogue que referencias.
    Sobre a dança: adoro dança (em criança queria ser bailarina e o poeta bem escreve sobre o seu fascínio) e dançava imenso, agora é raríssimo e tenho pena. Bem gostaria de ver a cultura e as suas diversas manifestações alvo de uma política séria e não como um parente pobre no orçamento. Em todo o caso, assistimos, e muito bem, à criação de academias, não só da dança (Leiria, um caso de enorme sucesso) que nos têm revelado enormes talentos. Há também um trabalho muito meritório em zonas desfavorecidas. Tenhamos esperança...
    Como sempre, fantástico vídeo!
    Aplausos!
    Bj, Majo

    ResponderEliminar
  20. um belo diário aos olhos!!!!



    abç

    ResponderEliminar
  21. Gosto de baile, de bailar e ver dançar... "Dança".

    Gostaria de dançar muito, por todas as razões da vida, mas há muito que ninguém me pergunta, "a menina dança?"

    Bailemos então com as palavras.
    :)

    ResponderEliminar
  22. ~~~´
    OS MEUS AGRADECIMENTOS A TODOS PELA VOSSA PARTICIPAÇÃO

    QUE ABRILHANTOU SOBREMODO A NINHA POSTAGEM,

    ABRAÇOS CORDIAIS
    ~~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
  23. Um belo tema aliado ao seu bom gosto e requinte!
    beijinho

    ResponderEliminar
  24. A dança é a expressão da liberdade do corpo.
    Uma homenagem ao dia dedicado que me fugia á memoria Majo.
    Quando em Belo Horizonte estudante gostava de ver o Grupo Corpo, que inclusive um primo veio a participar, depois pesquise sobre o Grupo.
    A Taís tem belas informações no Das Artes.
    Bela postagem amiga e que possa sempre estar atenta e dedicada a nos informar e agraciar com arte.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  25. Escolhas de primeira, para assinalar este dia, em mais um post, que prima pela excelência!
    Gostei imenso!
    Beijinho
    Ana

    ResponderEliminar