***

*** PAISAGEM CULTURAL MARÍTIMA DOS AÇORES ***
A montanha e parte da Ilha do Pico vistas de uma zona elevada da ilha do Faial. As ilhas estão separadas por um estreito de 8,3 Km de largura, que é designado por Canal do Faial, expressão que deu título ao romance de Nemésio. O mar agitado prejudicou este ano as atividades da Semana do Mar.
~~ A fotografia - «Moinhos da Ilha do Faial» - é da autoria de Fernando Araújo.~~

sábado, 1 de outubro de 2016

ARANJUEZ



De há muito tempo, fico nostálgica nesta altura do ano,
pelo termo do Verão e por voltar às mangas longas... porém, 
 de há uns anos para cá, a melancolia vem acentuando-se,
pois é, mesmo, no final de Setenbro que constato
que passou mais um ano e que fiquei com menos um...
Uma celebração que me envolve numa melancolia meditativa muito especial que gosto de cultivar e apreciar.


Entre os meus rituais de calculada misantropia, dedico-me ao prazer de ouvir
a minha composição musical preferida, um deleite privado algo pungente,
que me emociona de tal modo que fico com olhos e rosto marejados... 


Partilho convosco parte da composição sublime, a obra-prima de Joaquín Rodrigo,
«O Concierto de Aranjuez»
em que a guitarra clássica é um elemento fundamental da orquestra;
ao sobressair harmoniosamente, torna a música assaz especial.
O célebre compositor afirmava que nenhum guitarrista tocou este concerto
com tanta paixão, como Paco de Lucia.
Deixo-vos o vídeo onde toca a segunda parte do concerto, o belíssimo Adágio.


«En Aranjuez Con Tu (Mi) Amor»
Não se sabe ao certo quem escreveu o poema para o Adágio do Concerto.
Consta que foi o compositor e a esposa, também pianista, pois tinham o hábito
de escrever textos poéticos para as suas músicas, contudo, existem vários poemas.
Todos os grandes intérpretes da área operática e «crossovers»
quiseram ter a honra de o cantar.
Deixo-vos a voz admirável de Nana Mouskouri, com o poema que mais aprecio. Aqui.


~~ * ~~



   




«Que cherches tu?
- Je cherche des amis. Q'est-ce que signifie 'apprivoiser'?
- Ça signifie créer des liens.
- Creér des liens?
- Bien sur. Je n'ai pas besoin de toi. Et toi n'ai pas besoin de mois non plus.
Mais si tu m' apprivoises nous aurons besoin l'un de l'autre.
Tu deviens responsable pour toujours de ce que tu as apprivoiser.» 

Que procuras tu?
- Eu procuro amigos. O que é que significa 'cativar'?
- Significa criar laços.
- Criar laços?
- Exatamente.  Eu não tenho necessidade de ti. Tu não tens necessidade de mim.
Mas se tu me cativas, nós teremos necessidade um do outro.
Tornas-te responsável, para sempre, do que cativaste.

Citaçõrs de «Le Petit Prince» de Antoine de Saint Exúpéry.


Queridos amigos.

Estou profundamente reconhecida pelas palavras carinhosas e emocionantes
e pelos belos poemas - de elocução brilhante -
que deixaram no meu blogue e correio eletrónico.
Bem-hajam.

A cada um de vós, um terno abraço de muita amizade.

~~ ***** ~~ 




Fontes 
A -  B C

29 comentários:

  1. Muitos parabéns.
    Esta é uma composição muito bonita …

    ResponderEliminar
  2. Uma maravilha, até para mim que sou duro de ouvido.
    Quanto ao mais, não se esqueça que para lá do Outono e do Inverno, espreita a Primavera.

    ResponderEliminar
  3. Uma melodia emocionante e imortal, Majo.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Um dos mais belos Adagios, não haja qualquer dúvida, pelos dedos do mágico Paco di Lucia!
    Bela forma de começar o dia, obrigada!

    ResponderEliminar
  5. Que belo este adagio do Concerto de Aranjuez. É também uma música que gosto muito de ouvir e que me emociona. Setembro está no fim e com ele o verão e a preparação para os dias mais pequenos e frios. A Majo fez anos? Então muitos parabéns. Que tenha uma vida com conforto, com amor, com saúde. Um beijo e a minha Amizade.

    ResponderEliminar
  6. Também sinto essa melancolia...ao nascer e cair da folha!!!
    Adorei a sua escolha!
    Um tema imortal e belo...bj

    ResponderEliminar
  7. Gostei muito! Então com estes dias maravilhosos de Outono! Fazendo fé num dos comentários, a Majo está em período de aniversário. Sendo assim, o meu abraço de parabéns, com desejos que este dia se repita por muitos e muitos anos, com saúde e bem estar.
    Abraço,

    ResponderEliminar
  8. Belíssimo
    A sua partilha é um serviço
    às boas memórias
    Bj

    ResponderEliminar
  9. Maravilha. Ouço e não me importo nada de partilhar esta melancolia.

    ResponderEliminar
  10. A genialidade de Paco de Lucia, no Adagio que nos ofereceu do Concerto de Aranjuez prende-se com a fidelidade ao compositor mas também a originalidade como os seus dedos percorreram as cordas da guitarra fazendo nascer as suas conhecidas sonoridades. Simplesmente magnifico, confesso que não conhecia.
    Pelo que li no texto e nos comentários, penso que não estarei enganado e assim tomo a liberdade de lhe desejar um feliz aniversário. :)
    Boa noite.

    ResponderEliminar
  11. Estive aqui ontem, Li o post mas não podia na altura ver e ouvir os vídeos. Obrigada por esta partilha. Uma maravilha.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  12. Querida Majo, que bom poder vir aqui lhe abraçar no seu dia! E saio sensibilizada também pela tua escolha magnífica desse Concerto que me toca muito, e cantado por uma das cantoras que mais aprecio, Nana Mouskouri. Lindo também por Paloma San Basilio.
    Mas desejo muita saúde e alegria a você, querida amiga!
    Beijo, meu carinho.

    ResponderEliminar
  13. Querida Majo parabéns e muitos setembros em sua vida, com muita saúde e alegrias.
    Os dois consertos são maravilhosos, amei ouvi-los, e obrigada por compartilhar.
    Tudo de bom beijinhos,
    Léah

    ResponderEliminar
  14. OI Majo querida!
    Meus parabéns com votos de felicidades e paz no coração.
    Que o Outono faça poesia em sua vida.
    Ouvindo esta guitarra de Di Lucia fico muito emocionado.
    Deixo meu abraço com carinho e ser feliz
    Beijos

    ResponderEliminar
  15. Pois, agora já percebi.
    Ainda que atrasado, renovo os parabéns e os votos de felicidade e longa vida.
    Beijinhos, bfds

    ResponderEliminar
  16. Estou como o Pedro...
    Em todo o caso, sugiro que a Majo adote antes o ponto de vista, mais animador, de ter ganho mais um... :)
    Parabéns.

    ResponderEliminar
  17. Olá minha querida amiga.
    Lamento nao ter chegado a tempo, mas creia que écom muita sinceridade que lhe envio um grande beijinho de parabens, fazendo votos para que durante muitos anos tenhamos saúde para nos reencontrarmos a festejar.
    Desejo-lhe um excelente ano, com tudo de bom na sua vida. Principalmente, muita saúde. Grande beijinho

    ResponderEliminar
  18. Estou contigo neste encantamento musical e nesta belíssima partilha.
    Entendo o teu estado e dele não virá mal algum; faz parte do ser humano; só será preocupante se for contínuo, mas sei que o não será. Assim, junto-me à tua celebração. Parabéns, Majo!
    Um bjinho muito especial :)

    ResponderEliminar
  19. Majo
    venho aqui dar-lhe os parabéns e deixar os votos de um dia feliz e que continue o caminho de uma vida longa e feliz!
    Não tenho tempo de ouvir as músicas, mas depois volto!

    Um beijinho de PARABÉNS:)

    ResponderEliminar
  20. Cara Majo

    Acompanho-a, hoje, neste seu dia e também na sua melancolia.
    Muito obrigada pela excelente música que aqui nos oferece, música
    divina em divinais interpretações.

    Beijinhos e grande abraço.

    Olinda

    ResponderEliminar
  21. Querida amiga Majo:
    Também me emociono sempre que ouço «O Concierto de Aranjuez» , ofereço-te esta versão como prenda de aniversário.

    https://youtu.be/BpuWkoYGpSw

    Que renoves todos os anos esta tua bela emoção.

    Um beijinho com carinho

    ResponderEliminar
  22. Parabéns pelo teu aniversário, querida amiga.
    Qualquer das duas versões (do Paco de Lucia ou da Nana Mouskouri) é sublime, porque o tema é uma obra prima musical.
    Majo, tem um dia muito feliz e um bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  23. Querida madrinhamiga

    Muitos parabéns
    neste dia feliz
    só não sei se tens
    89 ou 98 - que diz?

    Entretanto e antes de apagar as velinhas deixo-te um

    AVISO

    Enquanto não consigo resolver o problema da regularização das datas da NOSSA TRAVESSA apresentadas nos vossos blogues, aviso que desde ontem há um novo artigo postado, de minha autoria e intitulado Mudanças Obrigado. Este AVISO será repetido sempre que seja postado um novo texto.

    O afilhado Henrique, o Leãozão



    ResponderEliminar
  24. Olha que bela nostalgia!
    (Feliz aniversário também!)
    Beijinho

    ResponderEliminar
  25. E com estes videos e com estas músicas maravilhosasa, o dia de aniversário é com certeza mais alegre. E não só hoje, mas em todos os dias que a vida te conceder desejo-te, alegria, saúde e força para enfrentares as coisas más que essa vida também faz questão de nos oferecer.; não podemos esperar só alegrias, pois dores, mais ou menos pesadas, virão de certeza. Parabéns, querida amiga! Quanto à tua nostalgia, tenho a dizer-te que sinto a mesma coisa; não gosto de frio e só pensar na complicação das roupas de inverno, já me deixa triste; mas, o remédio é aguentar, pois a vida manda! Um beijinho muito especial e até sempre. Um bom fim de semana
    Emilia

    ResponderEliminar
  26. Obrigada pela partilha!
    É bom estar vivo, ter corpo e coração para vivenciar todas as emoções possíveis.
    Um belo concerto e uma bela voz que também aprecio.
    Parabéns por tudo, pelo aniversário, pelo bom gosto e por quem é.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  27. Paco de Lucia, sempre.Um doce e sereno Outubro.

    ResponderEliminar
  28. Estive aqui. Vi os vídeos. E não percebi que era o seu aniversário. Mas como a minha avó dizia que o que perde o dia, não perde o ano, desejo-lhe isso mesmo. Um ano muito saudável e alegre.
    Um abraço e mil desculpas.

    ResponderEliminar
  29. Uma melodia tão bonita... para celebrar o Outono... mas tão apaixonante e bonita... que certamente trará com ela um espírito de Primavera... disposta, com alma e garra para encetar permanentes recomeços...
    E pelo que me apercebi... a Majo fez anos... com um pouquinho de atraso, deixo os meus votos de muitos parabéns, saúde... e muita força para andar por cá, a contar muitas Primaveras ainda... dia a dia... há que viver... para contá-la... a vida... como diria Garcia Marquez... e cada dia... é sempre um recomeço... uma nova Primavera...
    Beijinhos! Tudo de bom!
    Ana

    ResponderEliminar